Manter a motivação norteia suas ações no trabalho

Nem sempre é possível estar ligado nos 220 volts, com a motivação a todo o vapor no trabalho. Nem sempre. Mas o problema é quando a desmotivação se torna lei. Talvez não haja nada o que se possa fazer e o problema seja mais sério, como uma suspeita de depressão.

Mas talvez seja apenas a hora de uma mudança de hábitos no dia a dia e a transformação venha de dentro pra fora. A primeira possibilidade de desmotivação é caso para médicos. Já a segunda necessita de ações pontuais para ser solucionada ou ao menos amenizada.

Antes de tudo, acredite em você, nas suas habilidades e no seu potencial. Mesmo que não tenha ainda o emprego dos sonhos, tente ser focado no seu trabalho, pois isso pode ajudar a galgar posições e sonhar com voos mais altos. Faz valer um reconhecimento ou te da forças para buscar algo que anseia.

Para isso, você tem que vislumbrar algo à frente. Nada existe sem que tenhamos uma meta em nossas vidas. Portanto, por mais que você ainda não esteja no Google dos sonhos ou em outra empresa de grande porte que almeja, saiba que as coisas começam pequenas, como um trabalho de formiga. Aos poucos as coisas se acertam.

Outro fator, que é um tanto quanto desestabilizador, é o nosso próprio cérebro. Não ele em si, mas a nossa mania de mentalizar demais os problemas. Devemos estar sempre alertas, é claro, nos preocuparmos com as coisas que nos afligem, mas ficar sempre problematizando apenas nos torna mais apreensivo e sem poder de ação.

Aposte na sua gestão de tempo e em sempre transformar medos em desafios, se possível colocando até um cartaz todo dia na parede do seu quarto, ou sala de trabalho, com as suas metas pessoais e sonhos a serem conquistados.

Fora do ambiente de trabalho, é essencial fazer um esporte para oxigenar as ideias. Ao se exercitar os fluxos se reestabelecem e o corpo fica mais leve e pronto para outra jornada. Se isso não bastar, há especialista no assunto, que dão as dicas certas para aumento de produtividade e de como gerir o seu tempo, mantendo a motivação.

A obra “Getting Things Done” (Elesevier), do consultor e instrutor em produtividade David Allen, mostra como algumas ações fazem as pessoas reduzir o stress e focar nos resultados. Então, a ideia é buscar outros caminhos para que a volta da motivação possa nortear as ações no trabalho.

Boa sorte!